Academic
Publications
Gerência de tempo no Sistema Operacional EPOS

Gerência de tempo no Sistema Operacional EPOS,Giovani Gracioli,Danillo Moura Santos,Roberto de Matos

Gerência de tempo no Sistema Operacional EPOS  
BibTex | RIS | RefWorks Download
Resumo. Uma das tarefas de um sistema operacional é o tratamento de even- tos de tempo. Tradicionalmente a gerência de tempo é baseada em interrupções periódicas de um dos relógios de hardware do sistema (ticks). Porém, esta abor- dagem apresenta limitações, como falta de precisão, maior custo computacional e maior consumo de energia. Isso motivou a procura por novas soluções, e o emprego de técnicas de temporizadores não periódicos (ex.: one-shot timers) tornou-se freqüente, principalmente em sistemas operacionais de propósito es- pecífico, que possuem algum tipo de restrição de tempo, energia ou processa- mento (ex.: sistemas embarcados, de tempo real e multimídia). Este trabalho faz uma comparação entre as implementações de temporizadores de disparo único e temporizadores periódicos na gerência de tempo do sistema operaci- onal EPOS. São apresentados os impactos no tamanho de código do sistema (Footprint), número de trocas de contextos, número de execuções do tratador de interrupção e tempo de computação em diferentes cenários de execução. Abstract. One of the tasks of an operating system is to handle time events. Tra- ditionally, time management is based on periodical interrupts from one of the system's hardware timers (ticks). However, this approach presents limitations, such as lack of precision, large overhead, and large power consumption. These limitations have motivated the use of non-periodical timers (e.g. one-shot ti- mers), specially in specific-purpose operating systems with timing restrictions, such as embedded, real-time, and multimedia systems. This work presents a comparison between single-shot and periodical timer implementations in the time management abstractions in the EPOS operating system. We present the impact of the different implementation in terms of memory footprint, number of context switches, number of interrupt handler executions and run time in diffe- rent execution scenarios.
Cumulative Annual
View Publication
The following links allow you to view full publications. These links are maintained by other sources not affiliated with Microsoft Academic Search.