Academic
Publications
REVISÃO DA LITERATURA SOBRE CONCEITOS E DEFINIÇÕES DE FRAGILIDADE EM IDOSOS Literature review on the concepts and definitions of frailty in elderly

REVISÃO DA LITERATURA SOBRE CONCEITOS E DEFINIÇÕES DE FRAGILIDADE EM IDOSOS Literature review on the concepts and definitions of frailty in elderly,Il

REVISÃO DA LITERATURA SOBRE CONCEITOS E DEFINIÇÕES DE FRAGILIDADE EM IDOSOS Literature review on the concepts and definitions of frailty in elderly  
BibTex | RIS | RefWorks Download
RESUMO Objetivo: Apresentar as definições de Fragilidade em Idosos, prevalentes em artigos científicos de revisão sobre o tema. Método: Trata-se de uma revisão sistemática da literatura com os seguintes critérios de inclusão: (1) artigo de revisão sobre conceitos e definições de fragilidade em idosos, apresentando ênfase na inexistência de consenso sobre o termo "fragilidade"; (2) publicação de janeiro de 1980 a dezembro de 2007; (3) escrito no idioma inglês, português, espanhol ou francês. Realizou-se a busca em cinco bases de dados: Ageline, LILACS, Medline, PsycINFO e Scielo, com as seguintes palavras-chave: frailty OR frail elderly, definition OR concept, definitions OR concepts, fragilidade OR idoso frágil, definição OR conceito, definições OR conceitos. Resultados: Oito artigos de revisão preencheram os critérios de inclusão, sendo dois de revisão sistemática e seis estudos de revisão não sistemática, os quais indicaram que o domínio do desempenho físico foi prevalente nas definições, e o principal componente de fragilidade, a dependência nas atividades de vida diária (AVDs). Apesar da diversidade de definições, a maioria delas está relacionada à dependência nas AVDs/incapacidade, idade, doenças e alterações na homeostase. Conclusão: A multiplicidade de conceitos e definições de fragilidade na área de Gerontologia e Geriatria indicam a dificuldade de alcance de uma definição consensual de fragilidade em idosos. Descritores: Idoso Fragilizado; Saúde do Idoso; Formação de Conceito; Consenso; Literatura de Revisão como Assunto. ABSTRACT Objective: To present the most prevalent definitions of frailty in elderly, in scientific review articles addressing that subject. Methods: A systematic literature review was conducted using the following inclusion criteria: (1) review articles about concepts and definitions of frailty in elderly, focusing on the lack of consensus over the term "frailty"; (2) publication ranging from January, 1980 to December, 2007; (3) written in English, French, Spanish or Portuguese. The review was carried out by searching into 5 data-basis: Ageline, LILACS, Medline, PsycINFO, and Scielo, using the following keywords: frailty OR frail elderly, definition OR concept, definitions OR concepts. The search through Scielo was performed using the terms: fragilidade OR idoso frágil, definição OR conceito, definições OR conceitos. Results: Eight review articles met the inclusion criteria. Two of them were systematic review studies, and six were non-systematic reviews. The physical performance domain was prevalent among the definitions. Dependence in activities of daily living (ADLs) was the main component of frailty. Despite variability among definitions, most of them are framed in terms of dependence in ADL/disability, age, disease, and homeostatic disturbances. Conclusion: The multiplicity of both concepts and definitions of frailty in the field of gerontology and geriatrics indicates the difficulty to reach a consensual definition of frailty in elderly people.
Published in 2008.
Cumulative Annual
View Publication
The following links allow you to view full publications. These links are maintained by other sources not affiliated with Microsoft Academic Search.